HONG KONG, MEU ROTEIRO DE 4 DIAS

Visitei Hong Kong  por 4 dias ano passado,2017. Confesso que era um dos lugares que mais pesquisei em blogs de viagem e assisti vídeos no Youtube e estava totalmente apaixonada pelos relatos .Estudei detalhadamente a forma de chegar ao hostel e como me locomover na cidade.Esse lugar na Ásia para mim foi um dos mais apaixonantes, apesar da cidade ser mega agitada tem lugares encantadores por todo seu território. Também eu tinha lido que seria uma cidade cara para nossos padrões e pude constatar isso no alojamento , realmente preços para mim astronômicos e de toda minha viagem pela Ásia por 1 mês, Hong Kong e Singapura realmente foram os mais caros no quesito alojamento, embora o de Hong Kong deixou muito a desejar na minha opinião enquanto o de Singapura foi extremamente confortável .

O aeroporto de Hong Kong é um dos maiores do mundo. Eu estava chegando num vôo da AirAsia de Bangkok e no inicio me senti bem atordoada. Mas basta você ir seguindo o fluxo no desembarque e se depara com a imigração.O processo é bem rápido e mais ou menos em 30 minutos eu estava no setor de bagagens. Na sequência eu fui até a casa de câmbio para trocar dólares pela moeda local.De lá, fui até o guichê de informações turísticas e comprei o Octopus Card, um cartão recarregável que me custou 150 HK$ e desse valor 100 é custo do cartão que te é devolvido na saída. Com esse cartão desci de elevador até a plataforma dos ônibus e tomei o A21 que me deixaria na rua do hostel que eu tinha reservado. A viagem durou em média 45 minutos do aeroporto até o hostel.

20171113_083737.jpg20171113_083016.jpg20171113_085908.jpg20171113_092843

Um grave problema que enfrentei em Hong Kong foi com o hostel que fica no Edifício Mirador Mansion,o Kowloon New Hostel, na Nathan Road que é uma rua com acesso a tudo . Eu já tinha feito minha reserva com bastante antecedência pelo Booking e estava tudo confirmado em um quarto individual. Mas com 2 dias antes de minha chegada recebi um email dizendo que minha reserva estava cancelada por conta do meu cartão de crédito ser inválido. Fato que não é verdadeiro pois realizei todas minhas reservas para esta viagem em outros estabelecimentos com o mesmo cartão.Enfim, eu reservei em um outro hostel e também me chegou o mesmo cancelamento e me causou bastante transtornos pois meus amigos se hospedariam no mesmo hostel e não queríamos estar separados. Sendo assim eu me dirigi ao primeiro hostel onde meus amigos tinham a reserva sem problemas e tentei conseguiu um lugar e ao final me deram um sofá encardido no meio de uma sala de passagem com um custo alto. Acabei aceitando mas o edifício em si é bastante estranho, enorme e cheio de muitos estabelecimentos. Ao final acabamos pegando um colchão dessa sala que eu iria pernoitar e indo para o quarto dos meus amigos e foi lá que eu dormi os 4 dias o que realmente me ajudou pois nos dias subsequentes procuramos no prédio algum outro hostel mas ou estava lotado ou era caro demais.

20171116_203710.jpg20171116_20393420171116_203848.jpg

O QUE FAZER EM HONG KONG

Atracões não vão faltar nessa cidade. Vai depender muito do seu tempo e do que você considera importante visitar. Assim vou mostrar um pouco dos passeios que fiz por lá.

Dia 1

Optamos por comprar um passe de ônibus turístico e descer nas atrações que nos interessava.Compramos on line com a Cia Big Bus Hong Kong e estes ônibus normalmente são de cor vermelha. Esse passe tinha as três rotas ou seja a Red Route, a Blue Route e a Green Houte.
thumbnail (3).jpg
20171113_230829.jpg20171113_230840

 

VISITANDO O SKY 100

Sky100 é uma plataforma de observação em 360 graus, construída no centésimo andar do arranha-céu International Commerce Centre em Kowloon. O mais legal é chegar lá nesse andar em um elevador em 60 segundos. Nesse observatório é oferecido uma visão de todos os ângulos e possui também um café bem estiloso. Com amplas vidraças vale a pena subir e conferir .

20171114_010104.jpg20171114_010444.jpg20171114_01151720171114_011452.jpg20171114_011701

TRAVESSIA NO STARFERRY

Para embarcar no  Star Ferry usamos também o Octopus Card e  saímos da movimentada Victoria Harbour. O Star Ferry possui uma frota de nove embarcações e foi inaugurado em 1888. A travessia é bem rápida e você pode admirar a cidade de uma forma bem diferente.

20171114_032305.jpg20171114_032320.jpg20171114_032704.jpg20171114_03314120171114_033604.jpg

SINFONIA DAS LUZES

Nesse primeiro dia também fomos assistir ao show de luzes famoso da cidade.O melhor de tudo que é grátis. Turistas se aglomeram na Avenida das Estrelas para contemplação dessa apresentação.

20171114_075456.jpg20171114_075502.jpg20171114_081719.jpg

MERCADO NOTURNO DE HONG KONG

O famoso Temple Street Night Market, é o maior mercado noturno de Hong Kong e fica aberto até meia-noite. Como estávamos hospedados relativamente próximo fomos caminhando até lá. Se você for de Metrô desça na estação Jordan saída A. Cheio de lojinhas e bancas de comida, é uma opção para algumas comprinhas e souvenir.

20171114_091804.jpg20171114_09241220171114_09152220171114_095532.jpg20171114_095538.jpg

20171114_095545.jpg

Dia 2

VISITANDO O THE PEAK

Uma das atrações mais visitadas da cidade e apara chegarmos lá fomos no The Peak Tram, um funicular. Chegamos lá por volta das 10 da manhã e usamos nosso Octopus Card.No entanto, adquirimos o acesso ao Sky Terrace 428, que tem uma vista panorâmica de 360 graus.

20171114_225058.jpg

 

É bem emocionante a subida e descida no funicular com direito a lindas paisagens do lado direito na subida e do esquerdo na descida. Chegando lá, você se encontrará na Peak Tower, um edifício em vidro cheio de restaurantes e lojinhas e também o museu de cera Madame Tussauds.

20171114_231902.jpg20171114_23011020171114_23091020171114_23111320171114_23135020171114_231612.jpg20171114_23294820171114_232447.jpg

 

VISITANDO O GRANDE BUDA

A estatua do Grande Buda, feita em bronze, tem 34 m de altura e peso de 250 toneladas.Ao seu redor existem seis estátuas de bronze menores e está na Ilha de Lantau. Fomos para lá de teleférico, o Ngong Ping 360, aliás eu adorei esse percurso de 25 minutos por causa da paisagem que se pode desfrutar. Para chegar lá na estátua existe uma escadaria de  268 degraus para chegar ao topo.

20171115_022854.jpg20171115_02384420171115_025900.jpg20171115_025911.jpg20171115_030219.jpg20171115_033031IMG-20171115-WA002720171115_03402420171115_03460220171115_035651

 

DIA 3

AVENIDA DAS ESTRELAS

Bem pertinho do hostel que estávamos em uma caminhada de 5 minutos cheguei até a Calçada da Fama rapidamente. De lá também tive uma linda vista da Baia.

20171115_215112.jpg20171115_215633.jpg20171115_215807.jpg20171115_220032.jpg

TEMPLO WONG TAI SIN

Cheguei nesse templo de metrô. Um lugar cheio de cores e incenso, decorado com grandes pilares vermelhos. Também nele se encontra o muro dos nove dragões.Muitas pessoas vão lá para fazer orações e também existe a prática dos incensos.

20171116_012041.jpg20171116_011656.jpg20171116_013816.jpg

COMER DIM SUM

É uma espécie de comida que é servida em cestinhas de bambu e ela é preparada individualmente. Eu tinha lido sobre o assunto e fui em um restaurante  bem legal provar. Confesso que achei mega estranho kkk não sei se escolhi errado mas não me agradou muito. Porém para as pessoas que curtem muito esse lado gastronômico da viagem deixo aqui de sugestão.

20171116_014415.jpg20171116_020123.jpg20171116_021213.jpg20171116_041112.jpg

PARQUE KOWLOO

Pense num lugar agradável e no meio da conturbada cidade de Hong Kong. Ao ladinho da estação de metro Tsim Sha Tsui com o horário de funcionamento de 5 da manhã até meia noite.Aqui você encontra fontes, muitos jardins e também área com animais. Quando eu fui não consegui ver os flamingos pois a área que cabe a eles estava em manutenção.

20171115_22474020171115_22585020171115_23053620171115_23223020171115_230807.jpg

HERITAGE

O shopping é um antigo quartel militar e nele se encontra lojas de grife muito caras. Um espaço com salas de exposições, hotel, restaurantes.

20171115_22211920171115_222351

E assim foram meus dias nesta cidade que eu curti muito. E você? Já esteve por aqui?

Anúncios
Categorias: ÁSIA | Tags: | Deixe um comentário

O que fazer em CHIANG MAI, TAILÂNDIA- 3 dias

Em novembro de 2017 estive na Tailândia e visitei alguns lugares os quais já escrevi em posts passados. Agora vou contar um pouco da minha ida a Chiang Mai, no norte do país a mais ou menos 700 kms de Bangkok .Cheguei já em final de novembro, vindo de Singapura num voo da Scoot e depois um voo da Vietjet. Eu já tinha reservado um hotel pelo Booking e tive uma grata surpresa pela receptividade do proprietário , Mr Toy, uma super figura que me serviu um lanche apesar de já passar das 23 horas e não encontrar nada aberto próximo ao hotel.  Meu voo chegou pela noite e quando consegui chegar ao hotel já era quase 23 horas e eu estava morta de fome e cansada.

Onde me hospedei- HomeSamlan em Chiang Mai

IMG-20171202-WA000920171130_090538IMG-20171204-WA0020AirBrush_20180128183531.jpg

Chiang Mai me encantou. Uma cidade cheia de templos e mercados de rua. Também possui uma parte mais moderna com hotéis mundialmente conhecidos e famosos bares. Próximo da cidade também você encontra diversos lugares para curtir a natureza longe dos agitos. Eu me hospedei na Old City que é uma região facilmente percorrida a pé.

No segundo dia, acordei um pouquinho tarde e após o café fui atrás de uma massagem e na própria rua de meu hotel encontrei uma escola tradicional. Por apenas 20 reais pude relaxar por uma hora e sair de lá bem leve para um almoço e a visita ao Templo mais famoso da cidade.

IMG-20171202-WA0004

20171130_131048.jpg20171130_13103620171130_120734                                                         Padthai de frango20171130_132433

Visitando o Wat Phratat Doi Suthep

Fui de táxi vermelho até um ponto na cidade onde ficam parados vários tuk tuk e esperei até um número considerável de pessoas e subimos a montanha. O templo fica no alto ( mais de 1000 metros de altitude) e de lá se tem uma linda vista da cidade. Ao chegar no templo você pode subir a imensa escadaria ou ir de cable car que é super barato e foi o que eu escolhi, naturalmente. Para entrar no templo também se paga um ingresso e depois só se deliciar com as paisagens e o templo. A escadaria desse templo tem em seu corrimão uma espécie de cobra dragão, símbolo de proteção.

AirBrush_20180104215448.jpg

AirBrush_20180104215521.jpg20171130_15254020171130_15544120171130_15283620171130_155821.jpg20171130_161832.jpg20171130_154930

UM DIA EM CHIANG RAY

Contratei um tour de 1 dia pelo hotel que estava hospedada .Pelo pouco tempo que eu tinha para estar na cidade, achei melhor , embora seja um pouco cansativo pela distância. Saímos as 07 da manhã e retornamos  as 20 horas.

20171201_090553.jpgNossa primeira parada foi em Hot Springs de Chiang Rai, um lugar com águas super quentes. Nessa parada também tem muitas lojinhas com produtos típicos da região.20171201_090522.jpg

A segunda parada foi o famoso White Temple, um lugar que eu queria muito conhecer. Apesar de super lotado, não tem como não se impressionar com a beleza deste templo. Em sua entrada existe uma ponte que leva ao seu interior,cercada de mãos para fora da terra. Eu achei isso tão diferente, e na verdade não entendi bem o que queria dizer… depois dessa ponte você encontra as duas estátuas principais formando o Portão do Paraíso..um paraíso branco, o que realmente te dá uma paz, apesar das imagens serem um tanto bizarras.

20171201_110422.jpg20171201_110453.jpgAirBrush_20180104214432.jpgAirBrush_20180104215039.jpg20171201_110126.jpg20171201_105959.jpg20171201_111350.jpg

A  próxima parada foi no Golden Triangle que fica no meio de dois enormes rios, nas divisas da Tailândia. Myamar e Laos. Eu não fiz o passeio de barco que era opcional e esperei o grupo voltar.Aproveitei para dar uma caminhada ao redor do rio.

20171201_131803.jpg20171201_13171320171201_131906.jpgAirBrush_20180104203426.jpgAirBrush_20180104203516.jpgAirBrush_20180104203822.jpgAirBrush_20180104203926.jpgAirBrush_20180104203609.jpg

Nossa última parada após o almoço foi na Vila das “Mulheres Girafas”. Esse para mim era o ponto mais esperado do tour pois já tinha assistido várias vezes documentários sobre essas mulheres refugiadas do Myamar. Elas usam aros de bronze a partir dos 5 anos de idade.

AirBrush_20180104200857.jpgAirBrush_20180104200749.jpgAirBrush_20180104201658.jpgAirBrush_20180104200644.jpgAirBrush_20180104200322.jpgAirBrush_20180104201113.jpgAirBrush_20180104201526.jpgAirBrush_20180104202135.jpgAirBrush_20180104202639.jpgAirBrush_20180104202737.jpg

E você? Já visitou Chiang Mai e Chiang Rai? Conte um pouco sobre sua viagem nos comentários.

 

Categorias: ÁSIA | Tags: , , | Deixe um comentário

KO PHI PHI TAILÂNDIA, O QUE FAZER

No post passado, contei um pouco sobre a nossa estada em Ao Nang. De lá, seguimos de ferry para Ko Phi Phi Don. Paguei 300 bath no bilhete de ida e 350 bath no bilhete de volta para Krabi. Ko Phi Phi é um arquipélago e fica no Oceano Índico .

20171109_210006.jpg

 

20171228_191035.jpgA viagem no ferry durou cerca de 2 horas e é bastante animada. Tivemos bastante sorte por estar um dia lindo, com bastante sol e tudo a fazer era curtir o visual. No ferry, eles vendem água e bebidas.

20171109_225023.jpg20171109_225059.jpg20171109_225719.jpg20171109_224733.jpg

Dentro da ilha não circula carros. E do pier até nosso hotel caminhamos cerca de 10 minutos. Nos hospedamos no Harmony Hotel e lá mesmo contratamos o passeio para o dia seguinte, pois já passava de 13 hrs e nessa tarde fomos até uma praia próxima após almoçarmos.

20171110_212004.jpg20171110_212009.jpg

Algumas pessoas vão caminhando ate Long Beach. Nós fomos de barco e é bem barato e rápido porque o percurso é bem pequeno.Nessa praia ficam muitos casais e famílias que curtem um lugar mais tranquilo.

20171110_225249.jpg

20171111_090647.jpg

De noite, fomos jantar em um restaurante bem deslocado chamado Rock. A comida super caprichada e o preço como sempre muito barato.

20171111_090205.jpg20171111_083141.jpg20171111_083152.jpg20171111_083200.jpg

Depois fomos dar uma circulada pela night e verificamos que a ilha é super agitada com opções variadas e pude provar o famoso sorvete artesanal. 

20171110_103620.jpg

Eles também costumam vender bebidas nesses baldinhos.

20171111_085719.jpg20171111_090056.jpg20171112_003656.jpg20171112_003624.jpg20171112_003745.jpg

No segundo dia, após nosso café no hotel fomos para o tour contratado. Mais ou menos tinham umas 16 pessoas no nosso barco. O tour compreendia Monkey Beach,  Shark Point, Loh Moo Dee Bay, Bam Boo Islands, Viking Cave,Pileh Lagoon e Maya Bay.

IMG-20171111-WA0226.jpg

Monkey Beach- Essa é uma das praias mais conhecidas. Repleta de macaquinhos que costumam pegar seus objetos se você der bobeira se constitui numa brincadeira essa parada.Mas você deve evitar alimentar os animais e não se expor tanto.Alguns são bem arredios e podem te dar uma bela mordida. Eu, fiquei com um pouco de receio e não consegui fazer umas fotos interessantes deste lugar. Até que eu tentei kkk

IMG-20171111-WA021820171110_232813.jpgIMG-20171111-WA0002

A segunda parada foi para mergulho e eu estive dentro do barco porque sou avessa a mergulhos. Fobia mesmo e como sempre passei mal com o balanço do barco.

20171111_033334.jpg

A praia que eu achei mais bonita nesse dia foi Bam Boo Islands, de águas tranquilas e muito transparentes. Essa parada durou 1 hora.

20171111_014113.jpg20171111_020614.jpgScreenshot_20171111-061538.pngAirBrush_20171228201128.jpgAirBrush_20171228201440.jpg20171111_022035.jpg

Finalmente, chegamos na famosa Maya Bay. Cheia de barcos e muitos turistas é bastante difícil você conseguir um cantinho para fotografar. Realmente, o lugar impressiona bela beleza de suas rochas e pela cor do mar.

20171111_054016.jpg

Como vocês podem observar a praia encontrava-se com bastante turistas. E você precisa procurar um cantinho certo para ter sua fotografia dos sonhos.

20171111_054044.jpg20171111_054620.jpg

AirBrush_20171228201814.jpgAirBrush_20171228202037.jpgIMG-20171111-WA0095

Screenshot_20171111-062849.png

 

 

 

 

 

Categorias: ÁSIA | Tags: | Deixe um comentário

O que fazer em Ao Nang- Tailândia

Depois de 22 horas de vôo do Brasil para Tailândia  e mais umas horas de espera no aeroporto da capital da Etiópia  e ainda uma hora de vôo Bangkok Krabi finalmente aterrissei em Krabi. Como meus amigos vieram em um voo antes de mim, eu cheguei por volta  das 22 hrs em Krabi e dividi um táxi com outra turista para Ao Nang o que  custou 40 reais para cada em um trajeto de uns 30 minutos até o meu hotel.

Nosso hotel em Ao Nang- Nos hospedamos no Ao Nang Miti Resort pelo Booking e na diária não estava incluído o café. O hotel tem boa localização e o quarto é bastante confortável e grande.Gostei bastante das instalações deste hotel, apesar de que a recepcionista não se interessou em nos ajudar muito para conseguir um passeio pois chegamos bem tarde e de manhã que pudemos procurar as opções disponíveis e só teríamos este dia pois na manha seguinte partiríamos de ferry para Phi Phi. A diária saiu em torno de 41 reais por pessoa e por  dia  e ficamos 2 noites .

ao nang 5ao nang 4ao nang 1ao nag 3

Ao Nang  é uma pequena região turística e subdistrito de Mueang Krabi, província de Krabi, Tailândia. Em Ao Nang, você pode fazer tudo andando se escolher um hotel que fique bem localizado. De lá se pode contratar passeios para as lindas praias da região.

20171225_153657 (1).pngTomamos café no 7Eleven, o lugar mais frequentado por turistas para lanches rápidos e partimos cedo atras de agências.

IMG-20171109-WA0149.jpg Nessa busca encontramos com 3 espanholas e decidimos fechar um long tails privado e assim poder ficar mais a vontade. Pagamos cada um 750 bath , em torno de 75 reais para realizar o passeio de Hong Island e outras ilhas e também uma parada para mergulho.IMG-20171109-WA0090.jpgRealmente a gente fica sonhando com a hora de estar num long tails com as flores típicas deste tipo de embarcação e todo aquele mar indescritível tendo a nosso favor um belo dia de sol e mar super calmo.

20171108_231600.jpg20171108_234528.jpg

Chegando em Hong Islands, aproveitamos para curtir a praia que não se encontrava tão lotada ainda e aproveitar o sol.Esta ilha é protegida pelo Parque Nacional Marinho.20171108_234719.jpg20171108_234639.jpgIMG-20171111-WA011920171108_235724.jpegCurtir o visual e se extasiar com a beleza é a palavra de ordem. Você se sente dentro de um cenário de filme tamanha a beleza deste lugar.

20171108_235744.jpgAqui estivemos por cerca de uma hora e aproveitamos bastante até o barqueiro sinalizar a saída. Também tínhamos levado algum lanche e bebidas para utilizar na viagem .

20171109_001147.jpegIMG-20171109-WA0078IMG-20171109-WA0117.jpegIMG-20171109-WA0118.jpgSaindo de Hong Islands , fomos em direção a Hong Lagoon, a lagoa verde de Hong Islands. de um tom lindo verde esmeralda onde fizemos umas fotos no barco.

20171109_015313.jpg20171109_015620.jpg

No caminho , uma caverna esculpida nas pedras.20171109_020425.jpg20171109_020627.jpgNossa terceira parada foi em Koh Lao La Ding, com intensa vegetação e cavernas e no entanto a praia encontrava-se apinhada de barcos e não desfrutei da praia.

20171109_021144.jpgÉ uma pequena ilha com areia bem branquinha e está rodeada de penhascos de calcário.20171109_022103.jpg20171109_022457.jpg20171109_022749.jpeg20171109_023651.jpg20171109_024502.jpgFizemos uma caminhada muito rápida na ilha. Essa parada se resumiu mais a fotografias devido o grande número de barcos na água.

IMG-20171109-WA0033.jpgIMG-20171109-WA0034.jpgIMG-20171109-WA0073.jpgDe lá fomos a um ponto de mergulho onde a galera ficou uns 40 minutos . Eu como tenho muito medo de mergulhar e até porque não sei nadar me restringi a ficar no barco o que me gerou um belo ataque de labirintite por causa do balanco do mesmo. IMG-20171109-WA0134.jpg

IMG-20171111-WA0213Eu até tentei, mas o medo foi maior kkkkkkkkkkkk

De volta a cidade , saímos depois de um descanso , para jantar. Ao Nang é bem movimentada com muitos bares, restaurantes,lojas, casas de massagem e oferece bastante opções noturnas. Provei o famoso sorvete de coco.

20171109_105727

Jantamos em um restaurante indiano e foi a primeira vez que provei o famoso pad thai. Escolhi a versão com camarão e fomos muito bem atendidos. Esta eram as opções do cardápio e paguei 180 bath ou seja 18 reais.

20171109_122844.jpg

20171109_122907.jpg20171109_122911.jpg

Este foi o meu pedido e estava muito bom, Pad Thai de camarão.

20171109_123929.jpg

E o pedido de meus amigos que também segundo eles estava delicioso.

20171109_12515220171109_125203.jpgE o simpático e eficiente gerente do Restaurante.

20171109_130425.jpg

Depois desse delicioso jantar e super cansados fechamos o dia com uma massagem tailandesa por apenas 20 reais a hora. Confesso que era a primeira vez que eu fazia esse tipo de massagem e realmente me surpreendeu que mesmo apesar do vigor da massagem, ela é super relaxante.

20171109_121829.jpg

E você? Já visitou Ao Nang, na Tailândia?Contribua com seus comentários. Sejam bem vindos.

 

 

 

 

 

 

 

Categorias: ÁSIA | Tags: | Deixe um comentário

CHEGANDO EM BANGKOK-AEROPORTO INTERNACIONAL SUVARNABHUMI (BKK)

O início da minha viagem foi em Manaus, em um voo da TAM para São Paulo com duração de 3h 50 min. Nesse trecho tive a companhia de três amigos vindos de Boa Vista, Roraima. Chegamos em SP por volta das 19 30 e ainda deu tempo de fazermos um lanche e nos prepararmos para o check in do voo internacional.

23213202_1762962623716977_4059304558731517080_o

Saímos de São Paulo pela Ethiopian Airlines com escala em Addis Ababa ,capital da Ethiopia. Essa etapa da viagem de 13 horas praticamente foi um pouco cansativa e o aeroporto da capital da Etiópia é quente e desconfortável. Fizemos uma parada de mais ou menos 5 horas nesse aeroporto.O sinal de wi fi  é bastante precário e não tem muito o que se fazer por lá, apenas olhar algumas lojinhas e alguns restaurantes.20171107_151655.jpg20171107_175016.jpg Nesse aeroporto encontramos uma turma grande de brasileiros e foi legal poder interagir e passar o tempo esperando o embarque para Bangkok. Aí foi aquela barulheira e muita conversa e interação aproveitando para ver os roteiros e as dicas de quem estava indo.

IMG-20171108-WA0007IMG-20171108-WA000420171107_152051.jpg

COMO É VOAR COM A ETHIOPIAN AIRLINES

O voo saiu no horário.As cadeiras não são tão confortáveis mas pelo menos para mim deu para suportar bem. Eles servem também alimentação a contento e eu gostei desse item no voo. O avião foi bastante cheio e eu ainda por azar marquei um assento na janela o que dificulta a ida ao banheiro por vezes.Mas não foi uma experiência ruim e eu voltaria a voar com essa cia.

20171107_084759.jpg20171107_113248.jpg20171107_183600.jpg

CHEGANDO NA TAILÂNDIA

O aeroporto de Bangkok é super organizado e é bem fácil transitar por ele.O seu nome significa ” O reino do ouro” em alusão a um reino que pode ter existido em algum lugar do sudeste asiático e também tem a torre de controle mais alta do mundo. Para mim chegar na Tailândia foi algo emocionante pois estava na minha lista de viagens a bastante tempo e finalmente eu estava lá…(feliz da vida).

IMG-20171108-WA0003

IMIGRAÇÃO NO AEROPORTO

1- PASSAR NO HEALTH CONTROL- Antes de se dirigir à Imigração é necessário passar primeiro aqui. Essa é a ordem do procedimento para apresentar o Certificado Internacional de Vacinação. Lá preenchemos um formulário que é  diferente do formulário que recebemos dentro do avião  e somente após esse procedimento vamos para o segundo passo. Então são 2 formulários que apresentamos na imigração.

20171108_022131.jpg

2- IMIGRAÇÃO- Aqui você vai entregar o formulário já preenchido com seus dados e o endereço do lugar que você vai se hospedar na cidade. Feito isso, seu passaporte será carimbado e você deve restituir o controle na saída do país.

3- ESTEIRA DE BAGAGENS E ALFÂNDEGA

4- SE CONECTANDO NO AEROPORTO- Você irá encontrar diversas operadoras e pode escolher seu plano e o próprio funcionário já realiza o procedimento no seu celular e você já fica conectado a uma internet super rápida. Eu tive ajuda do meu amigo Luís que rapidinho fez todo esse processo no meu celular e escolhi um plano para 7 dias de uso . Paguei 290 bath ou seja em torno de 29 reais.

5- TROCANDO DINHEIRO- Aqui já é importante você trocar alguma quantia de dinheiro para a moeda local.Evite levar notas amassadas pois li em alguns blogs que as vezes chegam até a ser recusadas ou ter um câmbio desfavorável.

SAINDO DE LÁ PARA O AEROPORTO DON MUEANG

Como tínhamos um voo para Krabi precisamos sair deste aeroporto para o aeroporto Don Mueang onde operam as cias com voos low cost.

Basta você procurar no seu desembarque uma placa chamada Shuttle Bus que liga os 2 aeroportos e apresentar a sua reserva do voo que partirá do aeroporto Don Mueang e é grátis. Show de bola. O trajeto dura em torno de 1 hora dependendo do trânsito. 

20171108_035526.jpgIMG-20171108-WA0005

Nesse mesmo dia embarcamos para Krabi .No entanto, meus amigos embarcaram antes de mim e eu segui num voo mais tarde. Chegando em Krabi tomei um taxi lotação junto com outra turista para Ao Nang e paguei 400 bath em torno de 40 reais e como cheguei após as 23 hrs em Ao nang so restou irmos ao 7Eleven para comer alguma coisa e cair na cama.

Categorias: ÁSIA | Tags: | Deixe um comentário

PLANEJAMENTO DA VIAGEM PARA O SUDESTE ASIÁTICO- LUGARES E OUTRAS PROVIDÊNCIAS

 

VISTOS NECESSÁRIOS PARA OS PAÍSES QUE IREI VISITAR

TAILÂNDIA- Não é exigido visto para brasileiros, porém deve-se apresentar o Certificado Internacional de Vacina da Febre Amarela e passaporte válido por pelo menos 6 meses. Na chegada ao país, se passa primeiro pelo Controle Sanitário e depois para a imigração onde será carimbado o passaporte por 90 dias.O cartão de desembarque (arrival card) precisa estar também preenchido,

HONG KONG Não é exigido visto para os brasileiros e o passaporte também precisa estar válido ainda por 6 meses.

LAOSVocê faz o visto na entrada ao país pelo período de 30 dias. Paga uma taxa na chegada , passaporte válido pelo menos 6 meses, cartão de desembarque preenchido (arrival card) e uma foto 3×4.

VIETNÃPara esse visto eu fiz a carta através do site VietnamPro e paguei 6 dólares. A carta chega via email e você deve imprimir e apresentar na entrada ao país.Pagar a taxa, apresentar o passaporte válido e uma foto ( visa on arrival)

CAMBOJAFiz pelo site oficial do Camboja e paguei 36 dólares e o processo é simples.Você imprime e cola no seu passaporte e apresenta lá na chegada ao país.

SINGAPURANão exige visto para brasileiros porém necessita passaporte válido, passagem de saída do país , certificado internacional de vacinação, cartão de desembarque preenchido.

PLANEJAMENTO DO ROTEIRO DE VISITAS PELOS PAÍSES QUE IREI VISITAR

Dia 08- Chegada a Bangkok. Voo para Krabi e pernoite em Ao Nang.

                                          

Dia 09–  São muitas as praias da Tailândia. Infelizmente, só teremos 4 dias para passar por este paraíso e assim escolhemos pernoitar em Ao Nang e fazer um passeio por Railay Beach, conhecer Pra Nhang Cave, Hong Island, Hong Lagoon ( uma lagoa verde esmeralda) e fazer o passeio das 4 ilhas , também muito famoso por lá.

 Dia 10- Ferry para Phi Phi. Tour para Maya Bay.

Dia 11- Tour 4 ilhas em PhiPhi

Dia 12- Ferry para Krabi. Voo para Bangkok com pernoite.

Dia 13- Voo para Hong Kong.

Dia 14– Visitar o The Peak. Visita ao Grande Buda e Monastério. Avenida das Estrelas e Sinfonia de Luzes.

Dia 15- Parque Kowloon e Templos. Restaurante de Dim Sum famoso (Guia Michelin)

Dia 16- Bate /volta em Macau

Dia 17– Voo Hong Kong com pernoite em Bangkok

Dia 18– Voo Bangkok Luan Prabang.Pernoite

Dia 19- Tour Elefantes + Cachoeiras

Dia 20- Tour pela cidade e templos e feiras

Dia 21- Voo Luan Prabang Hanói.Pernoite

Dia 22- Cruzeiro por Ha Long Bay

Dia 23- Tour pela cidade e museus.Voo para Siem Reap.

Dia 24– Angkor (grande circuito)

Dia 25- Angkor (pequeno circuito)

Dia 26– Tour na cidade . Voo para Singapura .Pernoite

Dia 27– Tour pelos bairros de Chinatown, Little India, Arab Quarter , Waterfront e Gardens By the Bay

Dia 28- Marina Bay, Merlion, Singapore Flyer e Jardim Botânico.

Dia 29-Conhecer Orchard Road. Voo para Bangkok/Chiang Mai.Pernoite

Dia 30- Tour pela cidade de Chiang Mai.

Dia 1- Visita a Vila das Mulheres Girafas e ao Orquidário.

Dia 2- Voo Bangkok.Pernoite

Dia 3- Visita aos templos em Bangkok.

Dia 4- Visita a Ayutthaya.

Dia 5- Shopping e compras

Dia 6- Voo para o Brasil

 

 

Categorias: ÁSIA | Tags: | Deixe um comentário

SUDESTE ASIÁTICO-PLANEJAMENTO DA VIAGEM PARA NOVEMBRO 2017

Em novembro estarei embarcando para um destino  muito sonhado por mim e que finalmente agora será concretizado: Conhecer o Sudeste Asiático. Sim, eu estou indo para a maravilhosa Tailândia e outros países com uma cultura super diferenciada da nossa. Toda a programação foi totalmente planejada para que eu não tenha muitos imprevistos visto que estarei acompanhada de amigos somente nas praias da Tailândia e em Hong Kong. De lá, eles seguem para a Índia e eu volto para Bangkok e pego um voo para o Laos. E a partir daí estarei sozinha em vários lugares como Laos, Camboja, Vietnã, Singapura e Bangkok. Confesso que estou bastante ansiosa por não dominar muito bem o inglês e por serem culturas muito diferentes da nossa. Enfim, talvez eu faça muita live para me sentir acompanhada pelos meus amigos no Brasil e também será um grande desafio pessoal e ao fim de tudo com certeza espero um saldo positivo em minha vida.

O QUE É O SUDESTE ASIÁTICO

O Sudeste Asiático é uma das seis regiões da Ásia e engloba uma parte do continente, incluindo a Indochina e uma grande quantidade de ilhas. Composto pelos seguintes países: Brunei, Camboja,Filipinas,Indonésia, Laos, Malásia, Miammar, Cingapura, Tailândia, Timor Leste e Vietnã. É toda aquela região localizada ao sul da China e a leste da Índia.

                       Fonte:Google

mapa-sudeste-asia.jpg

QUANDO IREI- Escolhi o mês de novembro depois de ler relatos sobre as monções que ocorrem em alguns meses e em diferentes regiões. Ao todo serão 10 vôos e 30 dias de viagem distribuídos dessa maneira:

 ROTEIRO DA VIAGEM

Dia 06 de novembro Voo Manaus São Paulo pela Latam Airlines. Utilizei milhas nesse trecho e paguei somente uma taxa e as 2 malas de ida e volta de 20 kgs cada. Custo de R$ 119,43 . (ida e volta)

Dia 07 de novembro- Voo São Paulo- Bangkok com a Ethiopian Air Lines. Foi a companhia aérea que meus amigos já tinham comprado o bilhete e então eu segui o mesmo para viajarmos juntos pelo menos na ida.Esse voo sai de São Paulo as 2 da madrugada e  faz uma parada em Togo. Depois em Add Addis Ababa na Ethiopia e finalmente chega em Bangkok dia 08 de novembro no aeroporto de Suvarnabh na Tailândia as 14:10. Custo de R$3.840,11 com IOF.

Dia 08 de novembro- Voo Bangkok-Krabi com a AirAsia do aeroporto Don Mueang. Teremos que fazer esse deslocamento mais ou menos em 1 hora dependendo do trânsito e iremos direto para a região de praias da Tailândia.

Dia 08 de novembroIremos de Krabi para Ao Nang para pernoite. 

Dia 09 E 10 de novembro Ao Nang ( provavelmente tour por ilhas )ao nangDias 11 e 12 de novembro- Phi Phi IslandsIsla_Ko_Phi_Phi_Don,_Tailandia,_2013-08-19,_DD_02

Dia 12 de novembro- Voo Krabi-Bangkok Don Mueang- Pernoite próximo ao aeroporto.

Dia 13 de novembro- Voo Bangkok Hong Kong com a Air Asia

Dias 13,14,15, 16 e parte de 17 de novembro- Hong Kong possivelmente com um bate volta em Macau.the-peak-hong-kong-famous

Dia 17 de novembro- Hong Kong Bangkok com a Air Asia- Pernoite em Don Mueang

AQUI MEUS AMIGOS SEGUIRÃO PARA A ÍNDIA E EU FAREI O RESTANTE DO TRAJETO SOZINHA.

Dia 18 de novembro Bangkok Luan Prabang no Laos com a Air Ásia

Dias 18,19,20 e 21 de novembroLuan Prabangluan prabang.jpg

Dia 21 de novembro- Voo Luan Prabang Hanói com a LaoAirlines

Dias 21, 22 e 23 de novembro Vietnãhalong-bay.jpg1.jpg

Dia 23 de novembro- Voo Hanói Siem Reap no Camboja com a Vietjet Air

Dias 23,24 e 25 de novembro- Cambojaangkor.jpg

Dia 26 de novembro- Voo Siem Reap Cingapura com a Jet Star

Dias 26,27,28 e 29 de novembro- Cingapura

singapura

Dia 29 de novembroVoo Cingapura Bangkok Chiang Mai com a Scoot e VietJet

Dias 29,30 de novembro e 01 e 02 de dezembro– Chiang Mai e Chiang RaiCHIANG MAI.jpg

Dia 02 de dezembro- Chiang Mai Bangkok com a VietJet

Dias 2, 3,4 e 5 de dezembro- BangkokBANGKOK.jpg

Dia 06 de dezembro Voo Bangkok-São Paulo

ONDE IREI ME HOSPEDAR

 

AO NANG MITI RESORT- Ao Nang
HARMONY HOUSE- PhiPhi
SLEEP PILLOW HOSTEL- Bangkok
KOWLOON NEW HOSTEL- Hong Kong
D HOUSE HOSTEL- Bangkok
MANO GUESTHOUSE- Luan Prabang
VIETNAM BACKPACKERS- Hanói
PANPAN SAGA VILLA HOTEL- Siem Reap
WINK CAPSULE HOSTEL- Cingapura
HOMESAMLAN- Chiang Mai
RAMBUTRI VILLAGE- Bangkok

Total em reais de passagens- R$ 6.840,00

Total em reais de hotéis para 30 dias- Em torno de R$1.900,00

FOTOGRAFIAS-Fonte Google

 

 

 

 

 

                                      

Categorias: ÁSIA | Tags: | 4 Comentários

DESERTO DO ATACAMA, TOUR DE CINCO DIAS

No post anterior, eu falei um pouco da minha viagem a Santiago e dos passeios que fiz pela cidade. De Santiago,eu segui para San Pedro de Atacama para finalmente conhecer o grande deserto, destino de milhares de turistas de todos os lugares do mundo.

COM QUEM VOEIVoei com a Latam e a passagem custou em torno de 300 reais.

20170906_161551.jpg

ONDE ME HOSPEDEIAlojamento Licancabur, a mais ou menos 12 minutos caminhando até a Rua Caracoles, onde fica a agência que eu contratei.

20170906_095226.jpg20170906_095116.jpg20170906_095127.jpg

COM QUEM FIZ O TOUR– http://www.chileconectado.com.br/

Eu soube dessa agência após pesquisar sobre meu destino e li ótimas referencias. Fiz contato com a Camila e a Daiane por whatsapp e  lá fui super bem recebida pelo Rafael que trabalha na agência.

Cheguei em San Pedro mais ou menos as 11 da manhã. Eu contratei um transfer com a empresa http://www.translicancabur.cl/ e foi a melhor coisa que fiz. Se você não contrata o transfer, precisa ir de táxi até a rodoviária de Calama e de lá tomar um ônibus . O percurso leva mais que uma hora e assim preferi já contratar este serviço a partir do próprio aeroporto.

Tive um contratempo em meu primeiro dia de hospedagem no Alojamento Licancabur. Ao chegar , não tinha uma viva alma para me receber e pela altitude da cidade e o calor fiquei bastante irritada ao me ver com a mala no meio da rua. Assim, deixei a mala em um hostel na frente da minha hospedagem e fui caminhando para a Rua Caracoles, chateada da vida.  Aproveitei para almoçar uma empanada , que aliás era enorme e retornei as 15 hrs e felizmente o dono da hospedagem já se encontrava lá. Ganhei um desconto muito bom e a internet de lá era maravilhosa, um item super importante , pois só ouvia reclamações de outros turistas sobre a qualidade inferior da internet onde estavam hospedados.20170831_140023.jpg

PASSEIOS QUE FIZ

1- VALE DA LUA E VALE DA MORTE- Foi meu primeiro passeio no Atacama.Saímos as 16 hrs da agência e retornamos mais ou menos as 19:00. Esse passeio, tem caminhada, mas nada que te deixe exausto. A paisagem é fantástica . Os dois vales estão interligados. Toda essa área da Cordilheira dos Andes já foi um dia ocupada pelo mar.Fizemos várias paradas como minas de sal abandonadas.Conhecemos uma famosa escultura denominada Três Marias, paisagens com dunas e paredões e terminamos o dia na famosa Pedra do Coiote para ver aquele inesquecível por do sol.

20170831_164504.jpg20170831_164539.jpg20170831_164618.jpg20170831_170135.jpg20170831_170227.jpg20170831_173752.jpg20170831_170414.jpg20170831_180907.jpg20170831_181432.jpg           Nosso guia, Ricardo20170831_185318 20170831_185636.jpg20170831_190011.jpg

2- LAGUNAS ALTIPLÂNICAS + PIEDRAS ROJAS

Esse passeio sai as 6:30 da manhã e inclui café e almoço. Estava bastante frio nas primeiras horas da manhã. Fomos a mais ou menos 4 mil metros de altitude. Não tem como descrever a beleza destes lugares, só mesmo ficar em silêncio e contemplar e guardar na memória.

20170901_085831.jpg           Nosso café da manhã com um doce de leite maravilhoso

20170901_085838.jpg20170901_100642.jpg20170901_10153720170901_101828.jpg20170901_110020.jpg20170901_130023.jpg20170901_130548.jpg20170901_131038.jpg20170901_134659.jpg20170901_143441.jpg                                               Parada para o almoço

20170901_162015.jpg                                            SALAR DO ATACAMA E OS FLAMINGOS20170901_162257

Nossa última parada do dia foi em pequeno pueblo chamado Toconao que se caracteriza por uma grande quantidade de artesanatos. Uma de suas principais atrações é a igreja e também a pracinha principal.

20170901_171113.jpg20170901_17120720170901_171224.jpg20170901_171254.jpg20170901_171340.jpg20170901_171646.jpg

3- SALAR DE TARA- Esse lugar está mais ou menos a 140km de San Pedro de Atacama e fica em uma altitude de 4.400 metros. Aqui me senti um pouco cansada e todos os movimentos tinham que ser feitos lentamente e precisávamos ingerir também bastante água. Mas é um lugar impressionante como todos os que eu vi anteriormente.Cada tour no Atacama tem uma peculiaridade especial. Grandes paredões e incríveis formações rochosas.

20170902_095629.jpg20170902_100011.jpg20170902_100504.jpg20170902_100513.jpg20170902_104831.jpg

O Salar de Tara fica dentro da Reserva Nacional Los Flamencos e além de desfrutar das paisagens também tomamos um ótimo café preparado pelo nosso super guia Ricardo.

20170902_105100.jpg20170902_111325.jpg

Lhamas, parte da paisagem local.20170902_105914.jpg20170902_105747.jpg20170902_105844.jpg20170902_11473720170902_122240(0).jpg20170902_125610.jpg20170902_174139.jpg

                                        VULCÃO LICANCABUR

20170902_174047.jpg

Essa foto maravilhosa foi feita pelo nosso guia Ricardo

20170902_145127.jpg

4- LAGUNA CEJAR, LAGUNA DE PIEDRAS , OJOS DEL SALAR E LAGUNA TEBINQUINCHE

A distância de San Pedro de Atacama até Laguna Cejar é mais ou menos 25kms. Este passeio saiu pela tarde e nesse dia finalmente iria poder usar traje de banho apesar de que estava tipo 16 graus na Laguna. Nesse dia fomos acompanhados por outro guia, o Marcelo, super conhecedor dos lugares e que nos forneceu muitas informações detalhadas.

20170903_160901.jpg

Na verdade, visitamos a Laguna Cejar mas fomos mergulhar na outra Laguna chamada Laguna de Pedras.20170903_160846.jpg20170903_161510.jpg20170903_161621.jpg20170903_165955.jpg20170903_164542.jpgE é verdade! Aqui a gente não afunda por causa da grande concentração de sal e olha que sou medrosa e nem sei nadar. Super divertido, apesar da água gelada. A gente sai da água completamente cheia de sal e chega a ser uma sensação estranha no corpo. Mas leve sua toalha e seu sabonete porque lá tem duchas de água doce para você retirar todo o sal kkkkk

20170903_165351.jpg20170903_165221.jpg

Em seguida fomos visitar os Ojos del Salar, que são duas cavidades enormes onde você pode pular também, mas aqui não flutua,precisa saber nadar. E é tão límpida que você faz sua foto e aparece sua imagem refletida.

20170903_175001.jpg20170903_17493620170903_175259.jpg

E nossa última visita do dia foi à Lagoa Tebinquinche, que é na verdade um grande lago de sal.

20170903_18240420170903_182741

  Nosso lanche com o delicioso pisco sour

20170903_185248

 Nosso guia, Marcelo

20170903_190941

20170903_18534420170903_190808

5- TERMAS DE PURITAMA- Um lugar para relaxar.São oito piscinas termais com propriedades medicinais e terapêuticas.Se você pretende utilizar a todas elas tem que cronometrar seu tempo.Leve um roupão ou uma toalha grossa pois entre uma piscina e outra você caminha um pouco e fora delas é frio.

Para chegar até as piscinas é uma boa caminhada. No entanto, lá tem a disposição e gratuito um carro que te transporta e eu claro que desci e subi nele …

20141231_20061720141231_20073620141231_200521

20141231_202429

E por fim, a famosa Rua Caracoles,o lugar mais vibrante da encantadora San Pedro de Atacama. Lá que você encontra as agências, os restaurantes,muitas pousadas, artesanatos, enfim.

20170904_125251.jpg20170904_125404.jpg20170904_125507.jpg

E por fim, o restaurante que eu fui algumas vezes, por ter um menu bem acessível e delicioso.Recomendo.

20170904_125939.jpg

E você já esteve nesse paraíso? Conte sua experiência e colabore com o blog.

 

 

 

Categorias: ÁMERICA DO SUL | Tags: | Deixe um comentário

Santiago do Chile, o que fazer em 3 dias

Eis que de repente me aparece uma promoção da Gol para viajar de São Paulo até Santiago do Chile com um ótimo preço. Eu estive a anos atrás por 14 dias neste país maravilhoso e visitei a capital e a Região dos Lagos indo de Puerto Natales até Bariloche cruzando os Lagos Andinos. Dessa vez eu realizei um sonho que era de ir até o Deserto do Atacama, destino esse que me atraía pela sua diversidade de belezas naturais. E assim, compulsiva por viagens, eu emiti o trecho Manaus Sp Manaus em milhas da Latam e comprei o trecho da Gol Sp-Santiago-Sp e posteriormente pela Latam novamente Santiago-Calama-Santiago.

20170908_074350

 

TEMPO DE PERMANÊNCIA EM SANTIAGOMais ou menos 4 dias pois fiquei 2 dias na chegada e 2 dias na volta do Deserto do Atacama. Contando os deslocamentos de aeroporto na ida e volta deu basicamente 3 dias.

ONDE ME HOSPEDEI- Decidi usar o site Airbnb e escolhi me hospedar na Recoleta, região do Bairro Bella Vista. Pesquisei e encontrei o apartamento de um simpático casal de chilenos D.Anita e seu esposo que me acolheram super bem.Fiquei instalada em um quarto confortável com ótima wi fi e ainda ganhava café da manhã de cortesia dos anfitriões. Sem contar que o local está próximo de muitos lugares turísticos e eu pude caminhar tranquilamente por lá.Recomendo a todos este lugar e o preço foi super em conta para o padrão caro de Santiago.

20170829_17081220170829_171006.jpg20170829_163741.jpg20170829_170953.jpg20170915_230325.png

LUGARES QUE VISITEI

Santiago , está situada no vale central chileno, ao lado da Cordilheira dos Andes. A capital e seus arredores contém inúmeros pontos turísticos para visitação. Bem próximo da capital estão as cidades de Vina del Mar e Valparaíso bem como Vale Nevado e algumas vinícolas. A cidade dispõe de muitos museus, shoppings , parques, atrações variadas e que vale a pena estar pelo menos por uma semana para aproveitar com calma todos esses lugares. Como eu estava somente de passagem, não pude logicamente visitar a todos mas fui a alguns que irei apresentar aqui.

1- BAIRRO BELA VISTA 

Como eu estava hospedada neste lugar com certeza não poderia deixar de caminhar por suas ruas charmosas e coloridas.Se você curte balada e bares , este é o bairro certo.Com muitos bares e restaurantes aqui você vai encontrar um pouco de tudo. Algumas pessoas queixam-se do barulho noturno das discotecas mais como eu estava a mais ou menos duas quadras das ruas mais movimentadas não tive esse problema.

20170829_173428.jpg20170829_173509.jpg20170907_164226.jpg

PÁTIO BELA VISTA

Uma galeria com muitas lojas de artesanato, restaurantes e souvenir típico do Chile.20170829_173817.jpg20170829_174008.jpg20170829_174029.jpg

20170907_162224.jpg

Aqui você também encontra peças de lápis lazuli, uma pedra azul, encontrada comente no Afeganistão ou no Chile.

20170829_174741.jpg

Saindo de lá fui jantar num simpático restaurante peruano. Aqui neste Bairro você encontra as mais diversas culinárias do mundo.

20170829_181659.jpg20170829_182046.jpg

2- PLAZA DE ARMAS,  PALÁCIO LA MONEDA- CENTRO HISTÓRICO

 

Nesse dia fui caminhando até ao Centro Histórico. Passando pelo Rio Mapocho e Parque Florestal logo cheguei ao Centro Histórico da cidade.

20170830_103425.jpg20170830_103536.jpg20170830_103722.jpgUma das coisas que mais me encanta em Santiago são suas praças e parques.

Continuando a caminhada, fui até a Plaza de Armas considerada o marco zero da cidade e repleta de turistas e moradores locais. Em seu entorno, encontra-se a Catedral, o Correio e o Museu Histórico Nacional. Aqui se encontra uma estação de metrô, Plaza de Armas.

20170830_110215.jpg20170830_110235.jpg20170830_110247.jpg20170830_110528.jpg20170830_111305.jpg20170830_112514.jpg20170830_113909.jpg

Nesse dia estava tendo a solenidade de troca de guarda no Palácio La Moneda e infelizmente a foto não ficou nada legal. E por preguiça de caminhar até o outro lado da praça tive que me contentar com essa mesmo.

3- CERRO SANTA LÚCIA

Possui um bonito parque urbano e muitas escadarias de onde se pode admirar a Cordilheira dos Andes. Eu já subi com minha garrafinha de água porque o trajeto é um pouco cansativo mas vale a pena.

20170830_122504.jpg20170830_122543.jpg

20170830_122726.jpg20170830_123314.jpg

4- SKY COSTANERA E SEU MIRANTE

Esse na verdade, o lugar que não conheci na primeira vez porque não tinha sido construído ainda. É o único espaço na América do Sul que você pode curtir a Cordilheira dos Andes com uma das melhores vistas disponíveis da cidade. Funciona de 10 as 22 hrs e muitas pessoas aproveitam para visitar no fim da tarde para ver o por do sol e a vista da cidade noturna.

COMO CHEGAR- Cheguei lá pela estação de metrô Tobalaba, linha vermelha.

20170830_135430.jpg20170830_135734.jpg20170830_141507.jpg20170830_150258.jpg

5- PARQUE ARAUCO E SHOPPING ARAUCO

No último dia aproveitei para visitar este shopping que eu também não tinha conhecido anteriormente.

COMO CHEGAR- Metrô Manquehue, Linha vermelha. Uma caminhada de quase 2 kms cruzando o Parque Arauco, no entanto, foi super tranquilo caminhar até lá .

20170907_122357.jpg20170907_152939.jpg20170907_152953.jpg20170907_123243.jpg20170907_135858.jpg

E você já foi a Santiago? Pode dividir sua experiência com a gente?

 

 

Categorias: ÁMERICA DO SUL | Tags: | Deixe um comentário

Studio 5 Disco, uma noite de alto astral pelas décadas de 70,80 e 90

Se você estiver de passagem por Manaus e tiver sorte pode ser que se depare com uma festa maravilhosa com músicas dos anos 70,80 e 90 chamada Studio 5 Disco. Essa festa ocorre várias vezes ao ano e é comandada pelo Dj  Raidi Rebelo.

ONDE OCORRE

No Studio 5 Centro de Convenções de Manaus localizado no Bairro Industrial da cidade, ocupando uma área de 14.000 m2. A festa é amplamente divulgada em toda a cidade é bastante prestigiada por todos os apaixonados por esses hits musicais.

QUANTO CUSTA

Existem vários preços e também uma área vip. Os ingressos de pista mais populares custaram R$35,00.Vale a pena conferir essa festa e se divertir na companhia dos amigos.O ambiente é bastante seguro e ontem nós fomos lá conferir e passamos horas super divertidas.

  O LOOK ESCOLHIDO

Chegamos por volta das 22 hrs e o lugar já estava com muita gente aguardando a abertura dos guichês.

                    Antes de adentrar ao salão principal era hora das fotos 

           O ambiente todo convidava a se entregar ao ritmo frenético das músicas 

Amigas queridas de todas as horas

LINK DO PAGINA DO STUDIO 5

https://www.facebook.com/Studio5Shopping/?ref=br_rs

 

 

Categorias: BRASIL | Deixe um comentário

Amazônia, um tour pela floresta.

Sou amazonense e este passeio que hoje vou mostrar em detalhes para vocês aeu já tinha realizado bastante tempo atrás. No entanto, surgiu em julho deste ano a oportunidade de novamente passar um dia curtindo os encantos do Amazonas pois recebi a visita de minha filha e de minha neta que moram em São Paulo e aqui encontravam-se de férias.

COM QUEM IR: Fiz o pacote com a Crystal Turismo através do guia Max Alencar que me atendeu pelo whatsapps da empresa e sempre foi muito atencioso. Vou deixar aqui o contato dele para você que visita Manaus pela primeira vez ou mesmo se você já é morador como eu e nunca realizou este tour e o desejar fazer.

ATIVIDADES DO TOUR O tour inicia as 9:00 da manhã e termina as 17:00. Inclui visita ao Encontro das Águas, visita ao Flutuante do Janauary com interação com animais e caminhada.Almoço incluso sem as bebidas.Água mineral na lancha.Visita a aldeia indígena. Navegação pelos igapós e interação com os botos. A lancha tem capacidade para 60 pessoas e conta com colete salva vidas e o guia acompanha durante todo o passeio. Contato:Max Alencar- +559295322438.

IMG-20170721-WA0002

1- SAÍDA DO PORTO DE MANAUS AS 09:00 EM DIREÇÃO AO ENCONTRO DAS ÁGUAS

20170725_083601.jpg                            Foto feita ainda no Cais do Porto de Manaus20170725_083637.jpg

IMG-20170726-WA0026

Navegando na maior bacia fluvial do mundo você se depara com um dos patrimônios imateriais da Humanidade: o Encontro do Rio Negro com o Rio Solimões.Suas águas parecem se dividir ao meio em dois tons diferentes, o negro e o marrom.Tivemos o prazer de vislumbrar também os botos numa saudação festiva aos visitantes.Essas águas não se misturam devido a diferença de densidade e de velocidade e nessa época ou seja julho onde estão com os níveis elevados se torna muito mais bonito esse fenômeno. Do porto de Manaus até o Encontro das Águas levamos em torno de 40 minutos.

20170725_093535.jpgIMG-20170726-WA0186

2- VISITA A COMUNIDADE DO CATALÃO

A comunidade do Catalão é uma espécie de vila sobre as águas onde as casas flutuantes são erguidas sobre toras de madeira que tem por nome açacu que duram muito tempo e resistem ferozmente ao banzeiro do Rio Negro.20170725_094921.jpg20170725_094927.jpgIMG-20170726-WA0169

3- VISITA AO FLUTUANTE DO LAGO JANAUARY COM CAMINHADA, INTERAÇÃO COM ANIMAIS E UM ALMOÇO DELICIOSO.

A próxima parada foi no Flutuante do Lago do Janaury,onde observamos o enorme peixe amazônico chamado pirarucu que é um dos maiores peixes de água doce, pode atingir 3 m de comprimento e chegar a 200kgs. O guia faz uma demonstração colocando a isca para que o peixe suba a superfície. 

20170725_103231.jpg20170805_133319.jpgNeste lugar também temos a oportunidade de fazer uma pequena trilha em uma passarela suspensa sobre o lago onde vamos encontrando a fauna e flora da região. Observamos pequenos jacarés em seu banho de sol, muitos macacos,pássaros e também a Vitória Régia, uma planta aquática típica da nossa região e muito exuberante.20170725_113507.jpg20170725_110115.jpgIMG-20170805-WA0023.jpg20170725_113259.jpg                       PAUSA PARA O ALMOÇO E VISITA AO ARTESANATO LOCAL    

 

20170725_114948.jpg

O almoço tem diversas opções, peixes regionais, frango, saladas, arroz, vatapá , farofa dentre outras iguarias. A sobremesa consiste em doce de banana ( maravilhoso) e frutas regionais. Pode-se comer à vontade. As bebidas são pagas a parte e optamos por uma jarra do delicioso suco de cupuaçu.20170725_115727.jpg20170725_121320.jpg20170725_121331.jpg

 O artesanato regional é outra grande atração. Vários artesãos locais expõem seus trabalhos e há uma grande variedade de objetos e artefatos decorativos.

IMG-20170726-WA0151.jpg

LÍNGUA DO PIRARUCU20170725_103535.jpg

   ESCAMA DO PIRARUCU     

20170725_103527.jpg20170725_104018.jpg20170725_103902.jpg

INTERAÇÃO COM OS ANIMAIS

Aqui precisei um pouco de coragem para encarar segurar essa cobra jiboiaIMG-20170726-WA0159

                Já o filhote de bicho preguiça foi muito fácil kkkkIMG-20170726-WA0138IMG-20170726-WA0139

4- VISITA A ALDEIA INDÍGENA E RITUAIS

Após o almoço seguimos por 1 hora e 20 minutos pelo Rio Negro até a uma aldeia indígena onde assistimos alguns rituais e também provamos o churrasco de jacaré.

20170725_142603.jpg

Os Tuyuka são um dos povos da família linguística Tukano Oriental do Noroeste Amazônico.

20170725_144134.jpg20170725_144722.jpgIMG-20170726-WA0080.jpg20170725_145631.jpg20170725_144830.jpg

5- NADO COM O BOTO COR DE ROSA

Seguimos por mais 1 hora e chegamos ao flutuante para interação com o boto cor de rosa. O grupo foi dividido em turmas e descemos utilizando um colete. Toda a atividade é acompanhada por um instrutor nativo que nos orienta os procedimentos que podemos realizar.

20170725_152123.jpg20170804_184603IMG-20170804-WA0054

O RETORNO AO PORTO DE MANAUS

Após essa atividade seguimos por mais uma hora até o Porto de Manaus e ainda passamos pela majestosa Ponte sobre o Rio Negro. Enfim, recomendo a todos que moram aqui e também aos visitantes passar estes momentos de muita beleza e paz junto a natureza de meu Estado Amazonas que é esplendorosa.

20170725_131608.jpg20170725_132504.jpg20170725_113402.jpg

Categorias: BRASIL | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Um dia em Jericoacoara

Já tinha ido diversas vezes a Fortaleza, porém não tinha ainda conhecido a famosa Jericoacoara. Este mês de janeiro, resolvi me aventurar num destes pacotes bate e volta de um dia .Compramos um por uma das diversas agências e nos custou R$ 120,00 por pessoa. A van foi nos pegar as 3:30 da madrugada. Como estávamos hospedados na Praia do Futuro tivemos que ser os primeiros a ser buscados e os últimos naturalmente a ser deixados. Voltamos já quase 1 da manhã. Éramos um grupo de mais ou menos 12 pessoas.

A parada para o café aconteceu por volta de 8:20 da manhã. Este lugar oferecia opções regionais a um preço de R$17,00 por pessoa. O dono é um simpático italiano que também faz tiramisu nesse lugar.

20170121_09261620170121_092521

Após o café seguimos viagem em um outro tipo de transporte até a Lagoa Paraíso no Município de Cruz.

20170121_09361720170121_093610

                                                  LAGOA PARAÍSO

Chegamos por volta de 11 horas na Lagoa Paraíso.Um lugar realmente com uma boa estrutura turística. Na chegada, já escolhemos no restaurante o prato para o almoço e marcamos a hora para o mesmo ser servido pois são inúmeros turistas e se torna necessário já deixar organizado. A Lagoa se situa no Município de Cruz  e é uma lagoa de águas cristalinas imersa na mata atlântica e dunas enormes.20170121_11353920170121_123211.jpg20170121_134023.jpg20170121_134556.jpg20170121_134653.jpg             20170121_123821.jpg

Seguimos até a Pedra Furada.Na verdade, eu preferi ficar na praia do que realizar a caminhada até este lugar.Treinando pulinhos…fora de forma…

IMG-20170127-WA0033.jpg

Depois seguimos até a Árvore da Preguiça localizada na Praia do Preá. Esse nome deu-se em virtude da dificuldade da árvore se erguer devido os fortes ventos existentes na região.Assim se tornou um famoso cartão postal de lá e daí a dificuldade de fazer uma foto sem muita gente ao redor.

20170121_171550.jpg20170121_171401.jpg

E ao fim da tarde chegamos a Vila de Jeri para o famoso por do sol na grande duna.

20170121_170933.jpg20170121_171307.jpg

Categorias: BRASIL | Tags: | Deixe um comentário

Cumbuco, dunas e lazer

Estive em Cumbuco por duas vezes. Uma no ano de 2010 e agora retornei em 2017.A cidade fica a mais ou menos 30 km de Fortaleza.Você pode alugar um carro ou comprar algum pacote turístico ou vir de buzão. Dessa vez eu vim de ônibus que custa aproximadamente R$ 4,80  por pessoa e levou em torno de 35 minutos.P9081092.JPG

Quando estive a primeira vez ainda estava liberado o uso de quadriciclos na praia. Mas atualmente não está sendo mais permitido por conta de inúmeros acidentes ocorridos.

A cidade é um dos pontos turísticos mais visitados do Ceará. Tem um grande número de restaurantes, casas de veraneio, bares, lojas e na praia encontra-se algumas atividades bastante procuradas como  passeio de jangada, andar de cavalo, de jetski e praticar kitsurf.P9081099.JPGP9081111.JPG

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Em minha página no facebook @mochilandonomundo postei alguns videos rápidos sobre algumas dessas formas de se divertir na praia.

                                                                De saída para a praia

img-20170114-wa0021

20170114_115255.jpg                                                          Vendedor de brigadeiro20170114_120351.jpg                                                 Passeio a cavalo20170114_132346.jpg                                                     Passeio de jangada20170114_122155.jpg                                                Saboreando aquela água de côco20170114_122419.jpg20170114_122211.jpgIMG-20170114-WA0022.jpg20170114_143411.jpg

 

Categorias: BRASIL | Tags: | Deixe um comentário

Feriado em Boa Vista e Venezuela.

Manaus está aproximadamente a 785 kms de distância da capital de Roraima, Boa Vista. Na  verdade, faz muitos anos que viajo até lá e já percorri por mais de 4 vezes também o caminho de Boa Vista até a Ilha Margarita, no Caribe Venezuelano. Estive agora no feriado de 15 de novembro na cidade e fui até a fronteira com a Venezuela. Viajei no meu próprio veículo e utilizei um tanque e meio aproximadamente de gasolina. Saí de Manaus as 6:30 da manhã e abastecer o isopor com gelo e algumas bebidas para a viagem como água, todinho,yogurte e refrigerante pois durante o trajeto se torna mais difícil de encontrar e mais caro também é uma das coisas que você não pode esquecer de fazer. Entrei na BR 174 aproximadamente as 07:15 da manhã.

A estrada em seu  início tem uma área urbanizada e que possui alguns radares de controle de velocidade.A grande maioria da mesma encontra-se em bom estado de preservação mas alguns trechos já em território do Estado de Roraima encontrei  alguns buracos aos quais deve-se ter bastante atenção.

20161112_080041.jpg

Se prepare para uma viagem em torno de 9 a 10 horas. Normalmente, vou reabastecendo ao longo da estrada e a primeira parada foi no Munícipio de Presidente Figueiredo a 107 kms de Manaus. No km 200 da Br aproximadamente tem início a Reserva dos Waimiri-Atroari que se estende por 123 kms em território do Amazonas e parte no território de Roraima. Por toda a reserva indígena encontramos bastante avisos de proibição de realizar paradas dentro da mesma como também de placas de proteção a fauna e a flora do local.

20161112_100032.jpg20161112_101111.jpg20161112_101130.jpg20161112_100834.jpg

Durante toda a viagem vamos nos deslumbrando com a nossa Floresta Amazônica que se estende por quase mil kms interligando os Estados do Amazonas, Roraima e a Venezuela. Cruzamos região de florestas e cerrados também com inúmeros rios e igarapés em seu trajeto.

20161112_100926.jpg20161112_115139.jpg20161112_133637.jpg

Nova parada na Vila do Jundiá já em Roraima e em seguida passamos na Vila do Equador por onde passa a Linha do Equador, inclusive com a existência de um monumento. Aliás a capital de Boa Vista é a única capital brasileira situada totalmente acima da Linha do Equador.

20161112_115735.jpg

A próxima parada foi na cidade de Rorainópolis, onde completei novamente o tanque do carro.Na ida não parei para almoçar visto que o restaurante que costumo utilizar não se encontrava funcionando no momento de minha passagem por lá e então resolvi acelerar e almoçar em Boa Vista.

20161112_133642.jpg20161112_145434.jpg

Após o km 500, seguindo pela esquerda cruzamos o Rio Branco através da ponte de Caracaí. Antes esse trajeto era realizado por balsa .  Não parei para fotografar a ponte mas busquei uma foto dela nos arquivos do Google.Essa ponte foi inaugurada em outubro de 2000 e tem 700 metros de extensão.

Cruzamos depois as cidades de Iracema e Mucajaí e chegamos a Boa Vista. E como você pode observar na placa , pode-se também chegar a Guiana Inglesa e a fronteira Brasil Venezuela.

20161112_161724.jpg

Chegamos em Boa Vista aproximadamente 16 hrs e não me hospedei em hotel. Dessa vez, fiquei com uma grande amiga minha que reside na cidade e tem uma casa próximo ao Parque Anauã.

A cidade de Boa Vista tem um traçado em forma de leque. A cidade tem largas avenidas que convergem todas para o centro.Um trânsito bastante tranquilo e é o ponto de partida para uma gama de atividades ligadas ao turismo ecológico.

whatsapp-image-2016-12-04-at-20-33-26

O QUE FAZER EM BOA VISTA E ARREDORES

1- Passear na orla TaumananÉ uma grande estrutura suspensa construída sobre as margens do Rio Branco no centro histórico da cidade. Um lugar para um happy hour com os amigos com muitas lanchonetes, restaurantes e bares onde se pode ouvir música MPB.

20161112_195401.jpg20161112_195440.jpg

2- Visitar o prédio da Intendência- Bem próximo a orla visitei o prédio da Intendência,onde funciona o Centro de Informações Turísticas da Prefeitura.20161112_200349.jpg20161112_200659.jpg20161112_200518.jpg20161112_200500.jpg

3- Bater papo com os amigos na Praça das Águas- Uma das coisas que acho muito legal na cidade são as diversas praças existentes. São locais aprazíveis e amplos onde encontramos as famílias ocupando esse espaço e com bastante segurança. Essa aqui em especial tem o espetáculo das fontes coloridas.

20161112_201930.jpg20161112_202015.jpg20161112_202326.jpg

4- Caminhar no Parque Anauã- Confesso a vocês que apesar de estar hospedada bem próxima ao Parque não usufruí muito deste local. Mas é um espaço que a comunidade usa para praticar esportes e relaxar. Dispõe de anfiteatro, centro de artesanato indígena, galeria de artes, escola de música, horto florestal, lago, ginásio e restaurantes.

                                     Fotos retiradas do arquivo do Google

5- Tomar um delicioso banho de rio- Essa uma das coisas que mais curto na cidade. É atravessar em uma voadeira no Rio Branco que custa R$ 6,00 por pessoa  e ficar de molho como falamos aqui na região Norte em alguma das praias existentes.

20161113_094812.jpg20161113_102030.jpg20161113_105506.jpg

6- Conhecer a Serra do Tepequém- Como não dispunha de muito tempo, a minha visita ao Tepequém durou somente poucas horas. Essa serra fica distante 210 kms de Boa Vista. Um lugar onde existiu um antigo garimpo de diamantes, é repleto de cachoeiras e se tornou um dos grandes lugares para a prática do eco turismo. Visitei somente duas cachoeiras sendo que a primeira não me recordo do nome mas a descida era bem íngreme e um lugar muito bonito.

20161113_154257.jpg20161113_154453.jpg

Após nos perdermos por um tempo finalmente encontramos a cachoeira do Paiva,com uma escada creio que com 268 lances para descida.

20161113_165406.jpg20161113_165435.jpg20161113_172246.jpg

7- Dar uma voltinha em Santa Elena, a primeira cidade da fronteira – Após passarmos por Pacaraima, onde pernoitamos, no outro dia cruzamos a fronteira com a Venezuela para tomar café em Santa Helena e visitar uma comunidade indígena. Troquei apenas 50 reais em bolívar e o cambio estava 1 real= 700 bolívares.

20161114_085631.jpg

Após o café, fomos tomar um banho em uma comunidade indígena.

20161114_105237.jpg20161114_110602.jpg20161114_110659.jpg

Dessa vez também fui conhecer o sítio da família de minha amiga. Como sempre tudo muito farto, muita comida, bebida e música animada e um belo igarapé de água geladinha.

20161120_123915.jpg20161120_124125.jpg20161120_172534.jpg

Espero que vocês se sintam motivados a conhecer esse pedaço do Brasil. Você já conhece Boa Vista?

Categorias: BRASIL | Tags: , , , | Deixe um comentário

São Luís e Lençóis Maranhenses

Já estava devendo esse post a muito tempo. Realizei 3 viagens a São Luís e Lençóis Maranhenses. Aqui especificamente vou falar um pouco sobre a capital e depois sobre a viagem aos Pequenos e Grandes Lençóis.

Tenho uma grande amiga chamada Márcia Celma que reside em São Luís.Claro que ela tem uma super bela casa e me recebe de braços abertos nas duas vezes que estive ultimamente.Tendo ela como minha anfitriã curti uns dias na capital e depois fomos até os Lençóis Maranhenses.

sam_0060

São Luís é um cidade muito gostosa para passear.Com uma extensa orla cheia de bares e restaurantes sempre é uma delícia para caminhar e jogar conversa fora. O único inconveniente  são que algumas praias já são impróprias para banho.Deve-se ficar atento a recomendações que são divulgadas dos índices de contaminação de algumas.

20131124_144811.jpgO centro histórico da cidade merece uma visita em seus casarões coloniais e tendas de artesanatos. Tem influência de portugueses, espanhóis, franceses e holandeses.Uma caminhada pela Rua do Sol é essencial e você vai encontrar diversos lugares para visitar.SAM_0250.JPGSAM_0246.JPGSAM_0249.JPGSAM_0073.JPGSAM_0065.JPG

A culinária local também é de dar água na boca com uma variedade grande de peixes e frutos do mar. Possui também um bom mercado central.

20131125_151138.jpg20131125_154207.jpg20131126_130028.jpg

De carro seguimos até Barreirinha . Estivemos dois dias somente e chegamos em torno de meio dia. Só deu tempo de almoçar e embarcar no passeio para os Grandes Lençóis.

SAM_0079.JPGSAM_0168.JPG

O passeio aos Grandes Lençóis levou em torno de 4 horas e meia.Primeiro atravessamos um pequeno riacho e depois seguimos em um carro próprio pelo areal em meio a plantações de caju até chegarmos a base. Dali para a frente o passeio se faz todo caminhando. Recomendável protetor solar, óculos , chapéu , água e alguma coisa para lanche como frutas ou barras de cereais. Eu amei esse passeio e me diverti bastante. Foi uma tarde ótimas risadas.

SAM_0086.JPGSAM_0170.JPGSAM_0099.JPGSAM_0124.JPGSAM_0138.JPG

SAM_0151.JPG

No dia seguinte realizamos o passeio que dura o dia inteiro para os Pequenos Lençóis. Temos que atravessar o Rio Preguiça em um barco . Paramos no Farol e depois vamos até o final onde almoçamos e existe de um lado o rio Preguiça e de outro lado uma praia praticamente selvagem.

SAM_0176.JPGSAM_0180.JPGSAM_0192.JPG

SAM_0212.JPGSAM_0216.JPG20140823_150959.jpg

Categorias: BRASIL | Tags: , , | Deixe um comentário

Natal, a cidade de belas praias

Em maio desse ano viajei com a família para Natal.Fazia muito tempo que não nós reuníamos pois sempre viajei com  minhas filhas quando eram pequenas e agora tenho mais duas meninas na família que são Ana Luisa e Maria Fernanda,minhas netas.Assim, foi também a primeira viagem da Maria Fernanda de avião e também a oportunidade de encontrar a prima Ana Luisa que atualmente mora em Jaú.

ONDE FICAMOSPensei primeiramente em reservar acomodação em um hotel mas depois decidi alugar um apartamento. Procurei no site Alugue Temporada e encontrei um lugar super bem localizado , ao lado do Vilarte, um centro turístico com 53 lojas e praça de alimentação na Av Engenheiro Roberto Freire, na Praia da Ponta Negra. O apartamento com 2 quartos, elevador, wifi,sala de estar, cozinha equipada e uma linda vista da praia da Ponta Negra. Gostamos bastante da localização pois estava perto de shopping, restaurantes, praia, enfim de tudo que a gente precisava. O aeroporto de Natal estava um pouco distante pois está localizado em outro município e levou cerca de uma hora até nosso apartamento. 

 Vista do nosso apartamento20160523_095919

Como eu e minhas filhas já tínhamos ido a Natal uma vez , já conhecíamos um pouco da cidade. No entanto, esta muito diferente. Em todo o tempo que lá estivemos utilizei um carro que aluguei e o trânsito bem tranquilo até porque ficamos nos movimentando nessa Avenida das praias e saímos também em direção. ao litoral norte e sul. Abaixo irei descrever um resumo dos lugares que fomos .

 ROTEIRO

No circuito de praias de Natal temos a Praia de Ponta Negra,cujo nome deriva das pedras escuras que a circundam. Era a praia mais próxima e bastava caminhar uns 300 metros . Fomos apenas uma vez nessa praia.Lá se encontra o Morro do Careca, cuja imagem se vê na foto da sacada do apartamento.É proibido escalar este Morro por questões de preservação ambiental.As outras praias são Areia Preta de onde se avista o Farol da Mãe Luíza, a Praia dos Artistas, famosa por causa do Centro de Artesanato e onde acontece o forró do Turista,a Praia do Meio que é bastante frequentada pela população local e a Praia de Redinha, última praia ao norte que era uma antiga vila de pescadores. Dessas praias fomos apenas na Praia de Ponta Negra.Preferimos visitar as praias mais afastadas da cidade.

 Praia de Ponta Negranatal-praia-ponta-negra

PASSEIO PELO LITORAL NORTE DE BUGGYNeste passeio com duração de 8 horas fomos somente eu, Luisa e sua mãe pois Fernanda com apenas dois anos de idade achamos melhor que ficasse pois algumas partes deste passeio tem manobras mais radicais nas dunas e mesmo assim só poderiam ir 4 pessoas no buggy. Se você curte aventura, diversão e belas paisagens anote este passeio que vale muito a pena. Nós contratamos esse serviço com uma agência próxima de nosso apartamento. Começa pela Via Costeira , passa por Genipapu, atravessa de balsa a Barra do Rio e depois chega na Lagoa de Pitangui.Seguimos depois para Jacumã e vai até Muriú, com parada para almoço em um restaurante com variedades no cardápio e banho de mar.

 Com Luisa , em Genipabu20160527_091938                            Luisa e a mãe se preparando para o passeio de dromedário20160527_095131              Este passeio custa 60 reais por pessoa e dura em média 15 minutos20160527_095434                            Lagoa de Jacumã, onde se pode praticar o skybunda, famoso na região.20160527_122626                                   Praia de Mundaú, parada para almoço e banho de mar20160527_13435420160527_13350120160527_134641

  PASSEIO PARA A PRAIA DE MARACAJAÚ

Maracajaú fica a 51 kms de Natal. Saímos as 9 :00 em direção a esta praia. Um lugar tranquilo e sossegado onde as crianças puderam se divertir. screenshot_2016-05-26-21-25-3620160528_135057                                     PASSEIO PARA O CAJUEIRO DE PIRANGI

O cajueiro de Pirangi, localizado no município de Parnamirim, 25 kms de Natal é o maior do mundo com uma área de 8.500m2.20160527_122734screenshot_2016-05-26-21-19-32-1                                PRAIA DE BARRA DE TABATINGA

Localizada a 45 km de Natal, esta praia é uma das bonitas do Estado e tem muitas opções de hospedagem e alimentação.Aqui se pode visitar o Mirante dos Golfinhos, onde fizemos nossa parada para almoço. Infelizmente, não vimos golfinho nenhum, mas a vista é realmente maravilhosa.screenshot_2016-05-26-21-22-33                                           PRAIA DE CAMURUPIM

Tem como cartão postal seus arrecifes e a areia é escura mas é ótima para as crianças brincarem a vontade. Essas duas fotos que estou postando aqui retirei do arquivo do Google .praia-de-camurupim1praia-de-camurupim-rn                                    CENTRAL DE ARTESANATO

Localizado na Avenida Café Filho, na Praia do Meio fizemos uma visita para almoço e comprar souvenir.20160530_13290120160530_125448

A cidade conta também com vários shoppings, feiras de artesanato e bastante restaurantes por toda a orla.E você , já foi a Natal? O que está esperando?

Categorias: BRASIL | Tags: | Deixe um comentário

Sevilha, cidade alegria

Como sempre a gente continuava com o tempo curto. Então fizemos um bate volta em Sevilha mas pernoitamos na cidade uma noite. Saímos cedo para aproveitar bem a cidade passeando pelo Bairro Triana. Nesse lugar se concentram muitos dos principais pontos turísticos da cidade.

Conhecemos a Torre del Oro .Ela era parte de uma muralha de proteção à cidade. Próximo a ela existe um famoso mercado. Também perto a Praça de Touros. Também fomos a Puente Triana, um lugar aprazível e para relaxar.tradicionais da região e da Espanha. Aproveite para almoçar lá, se já estiver com fome.

Outros lugares que visitamos- a Catedral de Sevilha, o Real Alcazar e o Parque Maria Luisa e famosa Plaza de Espana.

                                         Com as amigas comemorando

SEVILHA 002

SEVILHA 005

SEVILHA 006

SEVILHA 014

SEVILHA 032

SEVILHA 040

SEVILHA 028

SEVILHA 042

SEVILHA 043

SEVILHA 045

SEVILHA 049

SEVILHA 054

SEVILHA 060

SEVILHA 112

SEVILHA 101

SEVILHA 070

SEVILHA 077

SEVILHA 089

Categorias: EUROPA | Tags: , , | Deixe um comentário

Toledo, a cidade medieval

Passamos apenas um dia em Toledo num bate e volta a partir de Madrid. Seguimos de trem e em 30 minutos estávamos nesta cidade medieval.  Compramos direto no site da Renfe. Logo ao chegar em Toledo embarcamos em um ônibus turístico o qual vai te deixar na porta principal da cidade.

A vista da cidade no topo da montanha e com o Rio Tejo rende belas fotografias.A imaginação realmente corre a solta neste lugar. Como a gente só tinha esse dia e assim resolvemos seguir caminhando e fotografando o que nos deixava com interesse. Almoçamos e percorremos as ruelas.

Lugares a visitar: Catedral Toledo, Sinagogas, Igreja de Santo Tomé, Alcazar.

2013-05-30 12.19.50

 

2013-05-30 12.20.33

2013-05-30 13.31.11

2013-05-30 14.04.43

1369929066525

 

 

 

 

 

 

 

 

Categorias: EUROPA | Tags: | Deixe um comentário

Madri, a sofisticação.

A primeira impressão de Madri era de uma cidade muito formal e um pouco chata. Mas bastou os primeiros contatos para percebermos que não era bem assim. O lugar é incrivelmente atrativo e também precisa muito tempo para criarmos intimidade com a cidade.

Como sempre utilizamos o ônibus turístico como forma de otimizar o tempo já que era apenas de 3 dias.

LUGARES QUE VISITAMOS EM MADRID

1-PUERTA DE ALCALÁ construída em 1778 pelo Rei Carlos III.

2- Paseo del Prado

3- Plaza de Cibeles

4- Palácio Real

5- Plaza de Espana

6- Plaza Mayor

7- Catedral de Almudena

8- Mercado São Miguel

2013-05-27 14.35.55

2013-05-27 14.35.07

MADRI 008

MADRI 005MADRI 015MADRI 029